IDIOMAS

ptenfres

Diagnóstico Colelitíase (Pedra na Vesícula Biliar)

Sobre a Vesícula Biliar | Sintomas Colelitíase | Complicações Colelitíase | Tratamento Cirúrgico da Vesícula BiliarOrientação Pré-Operatória | Orientação Pós-Operatória | Perguntas Frequentes

A história da litíase biliar é bem característica e ajuda na orientação do médico para definir o diagnóstico.

O melhor método para diagnosticar a presença de cálculos na vesícula biliar é a ultrassonografia, que ajuda a visualizar os sistemas biliares intra e extra-hepáticos, além da visualização do pâncreas e do fígado.

Estudos que utilizaram a ultrassonografia demonstraram aumento na prevalência da litíase biliar em pacientes submetidos a transplante de órgãos.

A colecistografia é eficaz no diagnóstico, sendo uma radiografia que mostra o trajeto de um contraste conforme vai sendo deglutido, absorvido no intestino, secretado na bile e armazenado na vesícula biliar.

Em 98% dos casos são identificado os cálculos biliares na vesícula quando é usado em conjunto a ultrassonografia e a colecistografia.